10 de agosto de 2017

Nothing is by chance - Cap 32 -  Festa em casa
2 ANOS DEPOIS..

Dois anos se passaram e muita coisa mudou..Terminei os estudos e fiz alguns cursos profissionais..A Alice continua estudando e o Kelvin está fazendo um curso técnico..Nossos pais mudaram de empresa e estão cada vez melhores, a renda daqui de casa aumentou muito e reformamos o apartamento..As meninas estão aqui quase todos os dias e vejo os meninos muito pouco, eles andam muito ocupados..Não conseguimos ir visitar as meninas em Los Angeles, apesar de termos a renda aumentada, não tivemos tempo, nossos pais passam o dia fora, e as vezes a noite, chegam cansados e temos que dar conta de tudo aqui..Não deixei de falar com elas, mais já tem um tempinho que não nos falamos, não sei noticias do Justin, da última vez que falei com elas, ele tinha mudado de colégio, desde então nunca mais..Meus sentimentos por ele ?, não sei se ainda gosto dele, mais prefiro não pensar mais nele, só quando pego no colar que fiz das pedras que achamos na cachoeira naquele dia.. O Erik ?..Ah, o Erik, então depois daquele dia que pedir um tempo e ele aceitou de boa nós continuamos amigos e ele não desistiu da ideia de namorarmos, então meses depois eu aceitei, mais não duramos mais que um ano não..Não consegui ficar com ele por completo e decidi terminar, ele entendeu e preferiu aceitar sem reclamar , hoje somos amigos e nos falamos sem ressentimentos, depois que terminamos eu fiquei com alguns meninos, mais nada muito sério.A Alice não ficou com ninguém durante esse tempo, quer dizer, só com um, uma única vez, ela não esquece do Raylan de jeito nenhum, já tentei avisar que ele já deve ter casado e ela aqui ainda apaixonada.. Agora que tenho 17 anos mudei muito, engordei e to me sentindo uma puta de uma gostosa, meus seios aumentaram, pernas e bum bum também, meu cabelo cresceu e está enorme, a Alice também mudou muito, ta mais rebelde do que nunca..Não mudei só fisicamente, meu jeito de pensar também, acho que amadureci mais e estou mais responsável, eu acho..Agora nossos pais deixam a gente sair pras festas, contando que não bebemos e nem usamos drogas, porque ai já sabem né..A Alice teve a festa dela de quinze, quase infartei de raiva, eu não tive a minha e ela teve, por causa disso nós brigamos feio e passamos uns dias sem se falar, mais depois fizemos as pazes e hoje estamos ai, agora brigamos mais, ela aumenta o tom de voz e ai já começa uma briga, podem imaginar como termina..O Kelvin apareceu com uma namorada aqui em casa, e não gostamos dela nem um pouco, metida demais, já falei se ela ficar de coisa aqui vou colocar ela pra fora a ponta pé, porque sou dessas..Estou pensando em começar fazer faculdade ano que vem, já que estamos no final do ano e não dá mais tempo, então ano que vem eu entro..  a Alice faz dezesseis anos e meu pai já falou que não vai ter festa, mais que podemos sair se ela quiser..Vou falar pra ela pedir pra irmos pro clube..
- Evellyn : Alice o papai falou que tu pode escolher qualquer lugar pra irmos no teu aniversário, aonde vamos ?..- Eu estava deitada na cama mexendo no celular
- Alice : Não sei ainda, vou ver..- Ela falou saindo do banheiro enxugando o cabelo, que por sinal também estava grande..
- Evellyn : Vamos ao clube..
- Alice : Não sei, talvez vou ficar em casa..
- Evellyn : Que ?, nem pensar, vamos sair sim, ficamos em casa todos os dias..
- Alice : O aniversário é meu, eu que decido..- Ela sorriu debochada
- Evellyn : Nada disso, sou sua irmã querida e você vai fazer esse favor pra mim né..- Sorri
- Alice : Não..
- Evellyn : Para de ser chata..- Levantei, peguei na bunda dela e entrei no banheiro
- Alice : Deixa minha bunda em paz..- Ouvir ela sorri
- Evellyn : Não..Sabe andei notando que você engordou nos últimos meses, andou aprontando alguma coisa ? ..- Sai do banheiro sorrindo
- Alice : Sim, fiz a mesma coisa que você..- Me olhou e sorriu debochada
- Evellyn : Então não fizemos nada, porque eu não fiz nada..Nem tenho tempo mesmo
- Alice : Tem tempo sim, não ficou com o Erik porque não quis
- Evellyn : Não estava pronta ainda..
- Alice : É, mais se fosse o Justin, tinha rolado né..- Ela sorriu e eu acompanhei
- Evellyn : E se fosse o Raylan você tinha entregado até a alma né..
- Alice : Estamos falando de você queridinha..
- Evellyn : Claro que eu não teria ficado né..Independente de gostar ou não, eu pensaria duas vezes..
- Alice : Isso se chama medo..- Ela gargalhou
- Evellyn : Tua cara..
- Alice : Ta..To zuando, sou do mesmo jeito, não posso falar nada..- Sorrimos
- Evellyn : Hoje o almoço é seu ta..
- Alice : Não ever, ontem eu fiz..- Resmungou
- Evellyn : Cria vergonha na cara Alice, quem fez o almoço foi eu..Nem vem ta..- Levantei e sai do quarto
- Alice : Mentirosa, eu que f..- Ela pausou, lembrou de algo..- Aé, ontem quem fez foi tu, foi mal mana..- Ela sorriu e eu acertei um tapa nela e corri pra cozinha
- Evellyn : Tu é otária demais, quero strogonoff..
- Alice : Vai ficar querendo, estou com preguiça, vou fazer o básico e pronto..- Revirei os olhos
- Kelvin : Eu faço o almoço..
Eu e a Alice nos olhamos..Como assim ele vai fazer o almoço, ele nunca faz e sempre reclama quando pedimos, o que deu nele hoje..
- Evellyn/ Alice : Ta bem Kelvin ?..- Sorrimos
- Kelvin : Estou, parem de ser bestas..To afim de cozinhar, só isso..- Ele sorriu
- Evellyn : Ta Kelvin..- Falei e deixei a Alice terminar a frase
- Alice : Com qual condição ?..- Cruzamos os braços
- Kelvin : Que vocês não contem pros nossos pais que minha namorada passou a tarde no meu quarto ..
- Evellyn/ Alice : QUE ?
- Evellyn : Nem pensar Kelvin, tu sabe que odeio aquela garota..
- Alice : E eu..
- Kelvin : Por favor, vocês são minhas irmãs, devem me ajudar sabia..Olha, ela não vai nem falar com vocês, vamos ficar no quarto, se quiserem podem até sair..- Ele tava quase implorando
- Evellyn : E ainda por cima quer que nós saia de casa, nunca nessa vida..Não adianta, não aceito essa  condição..
- Kelvin : Vou fazer o almoço, lavo as louças e guardo e vocês tão achando ruim..Então vamos fazer assim, quando fizerem algo que nossos pais não podem saber, eu não conto, guardo o segredo de vocês..
Nos olhamos e sorrimos maliciosas. OPA, interessante..
- Evellyn : Ta, mais vai lavar o banheiro também..- Sorrimos
- Kelvin : Ta..- Ele sorriu e nos encheu de beijo
- Evellyn : O que uma mulher faz né..
- Kelvin : O que a mulher tem faz..- Gargalhamos
- Alice : Eco, aqui dentro de casa..Nunca mais entro no teu quarto..
- Evellyn : Nem eu..- Sorrimos
- Kelvin : Vou trocar as cobertas..
Eu olhei pra Alice com nojo e ela fez careta também..
(...)

O Kelvin fez o almoço, lavou e guardou as louças, lavou o banheiro e nosso acordo estava feito..Depois ele tomou banho e se arrumou.Hoje ela não escapa, pensei e comecei sorrir de mim mesma e dos meus pensamentos..Eu e a Alice tomamos banho e nos arrumamos, Deus me livre de ficar aqui..Na hora que íamos saindo a campanhia toca
- Kelvin : Sem gracinhas vocês duas..- Ele abriu a porta
- Tânia : Oi amor..- Eles deram selinhos
- Kelvin : Entra..- Ela entrou e sorriu pra nós
- Evellyn : Bom, eu e a Alice vamos sair ta..Mais  tarde estamos ai
- Alice : Se comportem..- O Kelvin nos olhou super sério
- Evellyn : Ótima tarde aos dois..- Sorrimos e saímos antes que ele nos matasse com o olhar..
- Alice : As meninas estão esperando lá em baixo
- Evellyn : Ta..- Descemos e elas estavam lá sorrindo de alguma coisa
- Marisa : E ai vacas, porque demoraram ?
- Evellyn : Estávamos cumprimentando a vadia do meu irmão..- Sorrimos
- Kátia : Nossa estávamos falando disso quando vocês chegaram, o kénio também tava com a namoradinha dele lá em casa
- Karolaine : E o Guilherme também..
- Alice : Ui, vai ver combinaram de perder a virgindade tudo ao mesmo tempo..- Gargalhamos
Fomos tomar sorvete e ficamos na praça conversando sobre besteiras como sempre, acabamos esquecendo da hora e quando vimos já havia ficado de noite,voltamos pra casa...Abrimos a porta e nossos pais estavam na sala
- Selly : Boa noite meus amores..- Como sempre carinhosa
- Evellyn / Alice : Boa noite mãe..- Demos um beijo nela e no papai
- Francis : Estavam aonde ?
- Evellyn : Na praça com as meninas..Cadê o Kelvin ?
- Selly : No quarto, chegamos e ele tava deitado..
Eita, então rendeu a tarde, temos que zuar ele..Olhei pra Alice que entendeu e fomos pro quarto dele, nem batemos só entramos e fechamos a porta, ele nem se mexeu
- Evellyn : Acorda maninho..- Sorrimos
- Kelvin : Sabia que os quartos tem portas para as pessoas bater antes de entrar..- Ele revirou os olhos
- Alice : Não sabíamos, e mesmo que soubéssemos, sempre vamos entrar sem bater..
- Kelvin : Ta, quando eu entrar no quarto de vocês sem bater não reclamem..
- Evellyn : E ai rolou ?
- Kelvin : Rolou o que ?..- Ele queria sorrir
- Evellyn : Fala logo.
- Kelvin : Vocês podem sair do meu quarto por favor..
- Alice : Não..Enquanto não falar, não vamos sair daqui..- Íamos sentar, mais lembramos ..- Trocou as cobertas ?, não vou nem sentar aqui..
- Kelvin : Vocês são chatas demais..Troquei as cobertas sim..- Ele sentou na cama
- Evellyn/ Alice : Huuuum..
- Evellyn : Sinal que rolou então..Como foi ?..- Sentamos
- Kelvin : Sério isso ? Querem mesmo saber ?
- Evellyn : Pensando bem, melhor não..Me repulna só de pensar que vocês dois estava aqui..- Sorrimos
- Kelvin : Ela é boa demais..- Ele sorriu malicioso
- Alice : Eco, agora vai ter que casar sabia ?
- Kelvin : Quem sabe..- Sorriu
- Evellyn : Te mato, todas, menos ela..
- Kelvin : Ta..Faço tudo pra ver vocês felizes, se não gostam dela, caso com outra..- Sorrimos
- Alice : Até parece que é assim..Quando você encontrar alguém que goste de verdade, nada e nem ninguém vai te impedir de ficar com ela..
- Kelvin : Pensando assim..Mais que graça vai ter se vocês não gostar dela..
- Evellyn : Vamos gostar dela, eu sei que vamos..Não sendo a Tânia..- Sorrimos
- Kelvin : E vocês, cadê os '' namoradinhos'' ..- Ele falou debochado..
- Alice : To fora de namoro..- Ela sorriu sem mostrar os dentes
- Evellyn : Também..- Sorri
- Kelvin : Me conta uma coisa, quando vocês foram pra Los Angeles, não conheceram ninguém ?
Tudo parecia ter voltado, as lembranças, os sorrisos, as brincadeiras, os abraços.. Cada momento com eles foi tão intensos que sentir uma saudade tão grande..Olhei pra Alice e ela encheu os olhos de lágrimas..
- Evellyn : Sim, mais não conta nada pro papai e nem pra mamãe..
- Kelvin : Claro que não..Não tenho esse direito..
- Alice : Conheci um garoto muito legal, e se nós ainda estivesse lá, estaria com ele ainda..Mais nem tudo é do jeito que queremos, as coisas mudam, e temos que seguir..
- Kelvin : É..Se eu pudesse levaria vocês lá só pra matarem a saudade..
- Evellyn : Quem me dera..Bom, eu vou tomar um banho..
- Alice : Também..- Levantamos
- Kelvin : Desculpa a pergunta, não sabia que ainda mexia com vocês..
- Evellyn : Tudo bem..Isso é passageiro..
- Alice : Já você toma cuidado, pode virar papai..- Sorrimos
- Kelvin : Ta doida, vira essa boca pra lá..
- Evellyn : Vira mesmo, todos te matam, começando por mim..- Sorri e saímos do quarto..
(...)

Tomamos banho e jantamos, depois fomos pro quarto, ficamos conversando sobre várias coisas, até mesmo sobre as meninas de Los Angeles,outra vez nos pegamos chorando, mais logo tiramos da cabeça e fomos dormir..
5 DIAS DEPOIS..

Hoje é o aniversário da Alice, acordei cedo com o Kelvin e preparamos um café da manhã pra ela, nossos pais vão pro serviço mais tarde para parabenizar ela..Dormioca como sempre ela ainda tava dormindo, entrei no quarto bem devagar e peguei meu celular, pedir pras meninas e pros meninos vim pra cá, não vai ter festa, mais vamos bater os parabéns, já que ela dorme muito, dá tempo de todos chegar..
(...)

Todos estavam aqui em casa, Alice ainda dormia então deixei todos na cozinha e fui chamar ela..Entrei no quarto e vi ela dormindo..Vamos lá
- Evellyn : Ali, acorda..- Chamei mais ela nem se moveu..- Alice acorda..
- Alice : Oi, que foi ?..- Ela abriu os olhos tentando acordar direito
- Evellyn : Parabéns meu amor, muitos anos de vida..- Abracei ela e sorrimos
- Alice : Obrigado vida..
- Evellyn : Se troca, nossos pais ainda tem que trabalhar e quer te dar os parabéns..
Ela assentiu e foi pro banheiro, minutos depois saiu arrumada..Saímos do quarto e fomos pra cozinha.Quando chegamos lá ela ficou surpresa e todos começaram a cantar os parabéns..Depois dos parabéns todos foram abraçar ela e parabeniza-la.
- Alice : Nossa, nem imaginei que vocês estaria aqui..- Ela sorriu..Depois dos abraços ela cortou o bolo e deu o primeiro pedaço pros nossos pais e o segundo pra mim e o Kelvin, o resto se serviu ..
(...)

Nossos pais tinham que ir trabalhar, então só ficou os jovens em casa, as meninas e os meninos..
- Lucas : Deixamos os presentes no seu quarto..- Eles sorriram
- Caio : Compramos um só em nome de todos, somos péssimos em comprar presentes..- Sorrimos
- Clara : Disso todos já sabemos..
- Evellyn : O que vale é a intenção, então..
- Alice : Verdade..
- Evellyn : Mais já que hoje é seu dia, podemos fazer a festa aqui em casa mesmo né..- Sorri e levantei, fui até o som, os meninos afastaram o sofá, as meninas foram na cozinha e voltaram com bebibas..
- Kelvin : Hoje a casa é nossa..
- Kénio : Toda nossa..- Sorrimos
Coloquei uma música e eu a Alice começamos a dançar sensualmente, os meninos nos apreciavam e as meninas sorriam maliciosas, logo elas entraram na dança e começamos a dançar igual, já sabíamos os passos mesmo, só arrasamos..A gente descia, subia, rebolava, jogava o cabelo, fazia caras e bocas, todas sorriam e os meninos acompanhava..O Kelvin pegou o celular e começou a gravar nossa dança louca e sensual..Depois mudamos de música e os meninos começaram a dançar, quando vimos todos estavam no mesmo embalo, eu dançava sensualmente com o Caio, ele passava a mão no meu corpo, quem via até pensava que tínhamos algo..Eu mordia os lábios e ele sorria descaradamente, o bom da nossa amizade era isso, nos tratávamos como namorados, tínhamos intimidade pra isso, eles podem.. Depois de dançarmos a gente foi beber, começamos beber, beber e beber..Tiramos fotos, fizemos videos engraçados, era um mais louco que outro..Quando vimos já estávamos tontos e sorrindo muito, ou seja quase bêbados, nossos pais iam nos matar..A casa tava uma bagunça e nós meninas já estavam sem blusas, os meninos sem camisas e todos triloucos dançando e bebendo cada vez mais..No meio daquela zona por sorte ouvir meu celular vibrar fui pro quarto e atendi..
Ligação on
- Evellyn : Oi mãe ?
- Selly : Oi filha, então liguei pra avisar que eu e seu pai vamos chegar só amanhã demanhã ta ?, Estamos em reunião e temos muita coisa pra fazer aqui, então se comportem, deixamos dinheiro em cima da mesinha do nosso quarto..
- Evellyn : Ta bom, bom trabalho..
- Selly : Obrigado, beijo..
Ligação of
Voltei pra sala e avisei todo mundo, todos comemoram claro, e voltamos a beber e dançar..Bebemos tanto que tenho certeza que vamos nos arrepender amanhã...




COMENTEM COMENTEM COMENTEM!

Cap 32 postado, agora comenteeeeem ..


2 comentários